BLOG CARLOS RIBEIRO

BLOG CARLOS RIBEIRO

quarta-feira, 22 de agosto de 2012

Saquarema adere à Campanha Nacional Antitabagismo de 27 a 30 de agosto


A Semana Nacional contra o Tabagismo terá uma série de atividades em Saquarema no período de 27 a 30 de agosto. Com o tema "Fumar: faz mal pra você, faz mal para o planeta", as ações incluem palestras, vídeos e informações sobre tratamento para abandonar o vício de fumar. O evento será concentrado na Policlínica Municipal Carlos Campos da Silveira, em Bacaxá, de segunda a sexta, de 9h às 16h.
 
 
Confira a programação:
 
 
27/08 a 30/08
 
- Sala de espera da Policlínia com apresentação de vídeos e mobilização externa.
27/08 - 9h
 
- Tenda para informações, distribuição de folders, teste de Fargeström (teste do grau de dependência química do cigarro).
- Palestra orientação nutricional, convidada. Drª Ana Carla de Souza Pereira Santos. Público Alvo: pacientes em manutenção de tratamento do tabagismo.
14h
- Grupo de tabagismo 4ª sessão. Incentivar a continuidade do tratamento, enfatizando sobre a contribuição de cada um na diminuição do impacto ambiental.
 
28/08 - 9:30h
 
- Sala de espera “Fumar faz mal a saúde”! Pra você, faz mal para o planeta. Desafio aos fumantes encher balões.
 
14h
 
– Palestra orientação nutricional, convidada. Drª Ana Carla de Souza Pereira Santos.
Público Alvo: pacientes em manutenção de tratamento do tabagismo.
 
29/08 - 8:30h
 
- Cigarro não combina com a sua saúde! Nem com a do planeta. Entrega de certificado de um ano sem fumar.
 
-Encontro com pacientes em diferentes fases do tratamento. Tema: Dependência causada pelo tabaco, seus efeitos em relação à abstinência e benefícios.
9h às 15h
 
-Tenda para informações, distribuição de folders, orientações para os que desejam parar de fumar e inscrições de novos dependentes para grupo de tratamento.
- Avaliação odontológica para fumantes em tratamento.
30/08
 
9h às 14h
 
- Grupo de tabagismo 4ª sessão. Incentivar a continuidade do tratamento, enfatizando sobre a contribuição de cada um na diminuição do impacto ambiental.

Fonte: Jornal Poiésis

0 comentários:

Postar um comentário