BLOG CARLOS RIBEIRO

BLOG CARLOS RIBEIRO

segunda-feira, 12 de novembro de 2012

Cabo Frio: Projeto Praia Acessível será apresentado ao governo estadual

 
 
Como parte do Programa Cabo Frio na Rota Olímpica e Paralímpica, será apresentado à TurisRio – Companhia de Turismo do Estado do Rio de Janeiro - o projeto “Praia Acessível”, que tem como proposta tornar a Praia do Forte acessível às pessoas com deficiência através da instalação de uma esteira específica para areia que leva a cadeira de rodas até a beira-mar e, em seguida, à pessoa com deficiência até uma cadeira flutuante (anfíbia).




A ideia é instalar o “Praia Acessível” no canto esquerdo da principal praia de Cabo Frio, onde o mar é mais tranquilo, tornando o local tecnicamente ideal para atividades recreativas e de lazer para as pessoas com deficiência.

As atividades estão programadas para acontecer às terças, quintas-feiras, sábados e domingos, de forma gratuita. A estrutura operacional contará com profissionais das áreas de Educação Física, Fisioterapia, Assistência Social, guarda-vidas, entre outros, contratados pela Prefeitura de Cabo Frio. Já a estrutura física, além da esteira e cadeiras anfíbias, contará com tendas de apoio e flutuadores, além de banheiros adaptados.

Segundo o professor Kleber Veríssimo, idealizador do projeto, membro do Comitê Gestor e também diretor da Secretaria Municipal de Esporte e Lazer, o projeto terá apelo turístico, social e esportivo:

- O objetivo é dar visibilidade à cidade mostrando ao Brasil e ao mundo como Cabo Frio está se preparando para receber turistas deficientes e atletas paralímpicos através de uma ação de atendimento às pessoas com deficiência – explicou, lembrando que, futuramente, o projeto poderá ser ampliado às pessoas com mobilidade reduzida e com atividades na areia.

O Comitê Gestor, desde sua instituição no início deste ano, além de promover ações que têm por objetivo apresentar Cabo Frio como cidade-anfitriã para delegações em adaptação para a Olímpiada Rio 2016, também busca adaptar o município no que diz respeito a pontos turísticos, praças e corredores viários, tornando-os acessíveis para atender não só a população local, mas também os atletas paralímpicos que aqui farão adaptação. A parceria envolve o Poder Público, através das Coordenadorias de Planejamento, Indústria e Comércio, além da Secretaria de Esporte e Lazer, e também a iniciativa privada, com as associações de hotéis e pousadas e do comércio local.

Fonte: Viviane Teixeira
 

0 comentários:

Postar um comentário