BLOG CARLOS RIBEIRO

BLOG CARLOS RIBEIRO

quarta-feira, 14 de agosto de 2013

Edney Silvestre lança "Vidas provisórias" em noite de autógrafos no Leblon

 
O jornalista Edney Silvestre recebeu amigos de vida e carreira na noite desta terça-feira (13), na Livraria da Travessa do Leblon, para o lançamento do livro "Vidas provisórias" (editora Intrinseca).
 
Silvestre autografou os primeiros exemplares da obra que conta a história de um casal que compartilhou a experiência do exílio e o estranhamento da perda de suas identidades, perseguidos pela ditadura militar.
 
Projeto gráfico Warrakloureiro
 
 
Vidas provisórias, o novo romance do premiado escritor e jornalista Edney Silvestre, chega às livrarias em 13 de agosto. Inspirado em sua experiência como correspondente internacional, Edney trata do exílio e do cotidiano de imigrantes brasileiros fora do país, vítimas de deslocamentos forçados em dois momentos marcantes da história brasileira: a ditadura militar e a implementação do Plano Collor.
Silvestre, vencedor do Prêmio Jabuti de Melhor Romance em 2010, retoma no novo livro a história de personagens de seus dois romances anteriores (Se eu fechar os olhos agora A felicidade é fácil). O resultado é um vigoroso retrato das transformações que ocorreram no país e no mundo nos últimos 40 anos, com uma trama que viaja pelo Chile, Suécia, Estados Unidos, França e Iraque.
 
 
Em Vidas provisórias, Paulo e Barbara foram expatriados. Separados no tempo e na geografia, compartilham o estranhamento pela perda de suas identidades, o isolamento e a sensação de interrupção do curso normal de suas vidas. Diferentes motivos os levam ao estrangeiro. Em 1970, Paulo, perseguido pela ditadura militar, é preso, torturado e abandonado sem documentação na fronteira, de onde segue para o Chile e depois para a Suécia. Barbara, com uma identidade falsa, deixa o país para trás em 1991 — durante o governo Collor —, fugindo de um rastro de violência, e se instala nos Estados Unidos como imigrante ilegal.
Na Suécia, Paulo se apaixona por Anna, militante da Anistia Internacional, mas continua perseguido pelas lembranças dos sofrimentos que viveu. Nos Estados Unidos, Barbara, ainda adolescente, sobrevive de faxinas e serviços de manicure, abandonando seus sonhos de entrar para a universidade e conhecer o mundo. Sem falar inglês, sob o medo constante de ser desmascarada, ela convive com uma rede de prostitutas brasileiras e esconde uma paixão impossível. Satisfaz-se em ser mais um rosto anônimo e estrangeiro na multidão, sem se integrar ao país que escolheu habitar.
 

Fátima Bernardes vai ao lançamento do novo livro de Edney Silvestre

Empty StarEmpty StarEmpty StarEmpty StarEmpty Star
           
            
                     

Jornalistas e artistas prestigiam o lançamento de 'Vidas Provisórias', novo romance de Edney Silvestre

 
 
 
 
 
 
 
 
 

 

0 comentários:

Postar um comentário