BLOG CARLOS RIBEIRO

BLOG CARLOS RIBEIRO

segunda-feira, 25 de fevereiro de 2013

Cultura de Cabo Frio realiza reparos no Charitas


Um dos principais pontos de cultura de Cabo Frio, o Museu Jose de Dome – Charitas, está fechado para reparos estruturais devido as fortes chuvas, inclusive de granizo, que atingiram a região no final de 2012. O espaço, que abriga eventos importantes da cidade como Semana Teixeira e Sousa e exposições temporárias de arte, entre outros, ainda não tem previsão para voltar a funcionar. Segundo a gestora do local, Sonia Portugal, as obras devem terminar no final de março.
 
Ainda de acordo com Sonia, as chuvas alagaram todo o museu. Entre as melhorias estão programadas as colocações de mantas e de telhas novas no telhado que foram quebradas e furadas com a força as pedras de granizo.
 
As paredes internas e externas, que estufaram e descascaram, além de estarem manchadas, serão totalmente recuperadas, inclusive com aplicação de seladora. Portas, janelas, rodapés, vidros, portões, assoalhos e pisos também serão alvo de intensa recuperação.
 
- O Museu estava muito danificado, não só por conta da chuva como também em função de reformas anteriores mal executadas. Acredito que até o fim de março os reparos terminem – explicou Sonia, acrescentando que as obras que estavam no Museu foram guardadas no acervo.
 
Sobre o Charitas – Construído em 1837, o prédio onde hoje funciona o Museu José de Dome já foi um orfanato que recebia crianças abandonadas através da “Roda dos Expostos” e serviu como abrigo durante a Segunda Guerra Mundial.
 
A Casa expõe obras de quatro grandes representantes da arte cabofriense: o poeta e escritor Victorino Carriço, o fotógrafo e arquivista Wolney Teixeira, o pintor francês que escolheu Cabo Frio para viver, Jean Guilhaume e o pintor José de Dome, que dá nome à casa de cultura.
 
SERVIÇO
 
Endereço: Avenida Assunção, 855 – Centro
 
Telefone: (22) 2643-6164.

Fonte: Nicia Carvalho / PMCF

0 comentários:

Postar um comentário