BLOG CARLOS RIBEIRO

BLOG CARLOS RIBEIRO

segunda-feira, 16 de julho de 2012

Saúde promove ações para celebrar o Dia Mundial de Combate às Hepatites Virais

Com o objetivo de reduzir as hepatites virais no Brasil, o Ministério da Saúde lança a campanha do Dia Mundial de Enfrentamento das Hepatites Virais, no dia 28. Em Cabo Frio, a partir desta segunda-feira, 16 de julho, os postos de saúde da cidade já estarão vacinando contra a hepatite B. Todas as pessoas até 29 anos e aquelas que fazem parte do grupo de risco (veja relação abaixo) devem comparecer às unidades de saúde munidos da carteira de vacinação. A coordenação do Programa de DST/AIDS e Hepatites Virais do município ressalta que só será imunizado quem apresentar a carteira.

Em conjunto com a vacinação contra as hepatites virais, será realizada também a campanha Fique Sabendo, com testagem para hepatites B e C, HIV e sífilis, além de distribuição de preservativos. Os testes são sigilosos e o paciente terá aconselhamento antes e depois do teste. O Fique Sabendo será feito no dia 19 de julho, no PS de Unamar, de 10h às 15h; no dia 26 de julho, no PAM de Santo Antônio, de 10h às 15h; e no dia 27 de julho, no PAM de São Cristóvão, de 9h às 14h.




A Coordenação de DST/AIDS e Hepatites Virais, órgão ligado a Secretaria de Saúde, coloca à disposição da população 26 pontos de vacinação, entre unidades e postos de saúde que vão funcionar de 9h às 16h.

Para Dircelene de Oliveira, coordenadora do Programa de DST/AIDS e Hepatites Virais do município, todos até 29 anos, que ainda não tenham se vacinado, devem procurar as unidades de saúde:

- A hepatite B está ligada à sexualidade e os jovens têm mais resistência quanto ao uso do preservativo. Esse comportamento contribui para o risco de contaminação – alerta, informando terem ocorrido 18 casos notificados em 2009, 12 em 2010 e 42 em 2011. Este ano, até o momento foram 20 notificações.

No município, a vacina contra a hepatite B faz parte do calendário de vacinação da criança e do adolescente e está disponível nos postos de saúde da cidade. Ainda segundo Dircelene, todo recém-nascido deve receber a primeira dose da vacina logo após o nascimento, preferencialmente nas primeiras 12 horas de vida.

- Se a gestante tiver hepatite B, o recém-nascido deverá receber, além da vacina, a imunoglobulina contra a hepatite B nas primeiras 12 horas de vida, para evitar a transmissão de mãe para filho – explica, ressaltando que, caso não seja possível iniciar o esquema vacinal na maternidade, a vacinação deve ser feita na primeira visita à unidade pública de saúde.

A hepatite é uma inflamação do fígado, que pode ser causada por vários fatores. Algumas drogas, medicações tóxicas, distúrbios metabólicos e doenças imunológicas podem provocar a doença, sendo mais comuns aquelas causadas pelos vírus da hepatite (A, B, C, D, E etc). A doença pode provocar febre, mal estar, desânimo, dores musculares, náuseas, entre outros sintomas. Hepatites mais severas podem levar a icterícia, conhecida popularmente como “trisa” ou “amarelão”, e pode ser fatal.

Fique Sabendo - Testagem para hepatites B e C, HIV e sífilis

Dia 19 de julho

PS de Unamar - De 10h às 15;

Dia 26 de julho

PAM de Santo Antônio - De 10h às 15h

Dia 27 de julho

PAM de São Cristóvão - De 9h às 14h

Confira abaixo a relação de postos que vão oferecer a vacina.

1 - PAM Santo Antônio: Avenida Beira Mar, s/nº - 2º Distrito;

2 - Hospital Municipal Otime Cardoso dos Santos: Estrada Velha Caminho de Búzios, s/nº - Jardim Esperança;

3 - Centro de Saúde Oswaldo Cruz: Rua Florisbela Roza da Penha, s/nº - Bairro Braga;

4 - Posto de Saúde do Itajurú: Rua Copacabana, s/nº;

5 - Posto de Saúde Praia do Siqueira: Rua Rondônia, s/nº - Bairro Praia do Siqueira;

6 - Posto de Saúde Unamar: Rodovia Amaral Peixoto, km 133 - Unamar – 2º Distrito;

7 - P.S.F. Boca do Mato: Rua Rosalina C. da Fonseca, nº 200 - Bairro Boca do Mato;

8 - P.S.F. Cajueiro: Rua Machado de Assis, s/nº - Bairro Cajueiro;

9 - P.S.F. Caminho de Búzios: Quadra 07, Lote 37: Rua Hortência - Bairro Caminho de Búzios;

10 - P.S.F. Gamboa: Rua José Veiga, s/nº - Bairro Gamboa;

11 - P.S.F. Jacaré: Rua do Pomar, nº 23 - Bairro Jacaré;

12 - P.S.F. Jardim Caiçara: Rua Inglaterra, nº 478 - Bairro Jardim Caiçara;

13 - P.S.F. Jardim Náutilus: Rua Guiana, snº - Bairro Jardim Náutillus;

14 - P.S.F. Manoel Corrêa: Rua 07, nº 33 - Bairro Manoel Corrêa;

15 - P.S.F. Maria Joaquina: Rua Harmonia, s/nº - Bairro Maria Joaquina;

16 - P.S.F. Monte Alegre: Rua Dr. Cardoso da Fonseca, s/nº - Bairro Monte Alegre;

17 - P.S.F. Praia do Siqueira: Travessa Amapá, s/nº - Bairro Praia do Siqueira;

18 - P.S.F. Tangará: Rua Castro Alves, s/nº - Bairro Tangará;

19 - P.S.F. Vila do Sol: Rua 3, nº 246 - Bairro Vila do Sol;

20 – P.S.F. Porto do Carro: Avenida Rosalina Cardoso da Fonseca, s/nº - Bairro Porto do Carro;

21 – P.S.F. São Jacinto: Estrada de Campos, s/n° - Bairro São Jacinto;

22 – P.S.F. Botafogo: Rodovia Amaral Peixoto, km 121 - Bairro Botafogo;

23 – P.S.F. Nova Califórnia: Rua das Pacas, 381, Loteamento Quadra B – Gravata II - Bairro Nova Califórnia;

24 – P.S.F. Jardim Peró: Rua Amazonas, s/nº - Jardim Peró;

25 – P.S.F. Vila Nova: Avenida Teixeira e Souza, n° 632 – Vila Nova;

Veja abaixo quem deve receber a vacina (grupo de risco):

- gestantes, após o primeiro trimestre de gestação;

- trabalhadores da saúde;

- bombeiros, policiais militares, policiais civis e policiais rodoviários;

- carcereiros de delegacia e de penitenciárias;

- coletadores de lixo hospitalar e domiciliar;

- comunicantes sexuais de pessoas portadoras do vírus causador da hepatite B;

- doadores de sangue;

- homens e mulheres que mantêm relações sexuais com pessoas do mesmo sexo;

- pessoas reclusas (presídios, hospitais psiquiátricos, instituições de menores, forças armadas, entre outras);

- manicures, pedicures e podólogos;

- populações de assentamentos e acampamentos;

- populações indígenas;

- potenciais receptores de múltiplas transfusões de sangue ou politransfundidos;

- profissionais do sexo/prostitutas;

- usuários de drogas injetáveis, inaláveis e pipadas;

- portadores de doenças sexualmente transmissíveis (DST);

- caminhoneiros.

Fonte:  Nicia Carvalho/PMCF

0 comentários:

Postar um comentário