BLOG CARLOS RIBEIRO

BLOG CARLOS RIBEIRO

quarta-feira, 15 de agosto de 2012

Mensagem do dia para os leitores do meu Blog e facebook...


"SOBERBA"

 
 
"Olha para todo o soberbo, e humilha-o...".
Jó 40.12.

Ser humilhado é uma das coisas mais difíceis para o homem. O homem luta naturalmente contra toda e qualquer humilhação. No princípio não entendia muito bem quando era humilhado por Deus. Sempre via a humilhação como algo dos homens ou do diabo e não de Deus, mas hoje reconheço que a humilhação é uma das coisas mais preciosas que eu tenho provado durante esses 20 anos de vida cristã.
 
O tamanho da humilhação de Deus para mim tem sido por causa do tamanho da minha soberba. Desse mal, eu tenho pedido ao Senhor que a sua cruz opere e me livre totalmente: "Quem pode entender os seus erros? Expurga-me tu dos que me são ocultos. Também da soberba guarda o teu servo, para que se não assenhoreie de mim. Então serei sincero, e ficarei limpo de grande transgressão" Salmos 19.12-13.
 
A soberba é um mal que veio a nós pelo pecado, e que permanece ainda nos filhos de Deus até que seja totalmente extirpado. A soberba é auto-suficiência, é o desejo de ser Deus que está impregnado em todo pecador desde o Éden: "Então a serpente disse à mulher: Certamente não morrereis. Porque Deus sabe que no dia em que dele comerdes se abrirão os vossos olhos, e sereis como Deus, sabendo o bem e o mal. E viu a mulher que aquela árvore era boa para se comer, e agradável aos olhos, e árvore desejável para dar entendimento; tomou do seu fruto, e comeu, e deu também a seu marido, e ele comeu com ela" Gênesis 3.4-6. 
 
A soberba é a altivez do espírito do homem, e ela não pode ser discernida pelo próprio homem, nem mesmo pelos filhos de Deus: "A soberba precede a ruína, e a altivez do espírito precede a queda" Provérbios 16.18. Só é possível conhecer a nossa soberba, no conhecimento de Cristo; do único que é manso e humilde de coração: "Tomai sobre vós o meu jugo, e aprendei de mim, que sou manso e humilde de coração; e encontrareis descanso para as vossas almas" Mateus 11.29.
 
A soberba é uma característica natural do velho homem, do nosso EU, e que Deus odeia: "O temor do SENHOR é odiar o mal; a soberba e a arrogância, o mau caminho e a boca perversa, eu odeio" Provérbios 8.13. Já estamos livres dele. O nosso homem velho já foi crucificado com Cristo: "Sabendo isto, que o nosso homem velho foi com ele crucificado, para que o corpo do pecado seja desfeito, para que não sirvamos mais ao pecado" Romanos 6.6; agora é necessário despojarmos desse velho que é soberbo, e nos revestirmos do novo que é humilde. Segundo Deus, ele é criado em verdadeira justiça e santidade: "Não mintais uns aos outros, pois que já vos despistes do velho homem com os seus feitos, e vos vestistes do novo, que se renova para o conhecimento, segundo a imagem daquele que o criou" Colossenses 3.9-10.
 
Quantas vezes não somos tentados a fazer alguma coisa para Deus? Quantas vezes não achamos que certas coisas nós podemos fazer? Quantas vezes não nos sentimos capazes de ensinar e cuidar dos filhos de Deus? Tudo isto é soberba. Temos que crer e nos tornarmos como uma criança para com Deus, isto é ser humilde: "E disse: Em verdade vos digo que, se não vos converterdes e não vos fizerdes como meninos, de modo algum entrareis no reino dos céus. Portanto, aquele que se tornar humilde como este menino, esse é o maior no reino dos céus" Mateus 18.3-4.
 
Deus tem que nos humilhar, isto é, mostrar a nossa verdadeira condição de fraqueza, de indignidade, de impurezas na carne e no espírito (II Coríntios 7.1}, para que descansemos debaixo da sua potente mão: "Humilhai-vos, pois, debaixo da potente mão de Deus, para que a seu tempo vos exalte" I Pedro 5.6. 
 
A humilhação de Deus não é um desprezo a nós, mas um cuidado de Pai. O seu propósito é nos trazer revelação de Cristo, daquele em quem está todo o poder: "E te humilhou, e te deixou ter fome, e te sustentou com o maná, que tu não conheceste, nem teus pais o conheceram; para te dar a entender que o homem não viverá só de pão, mas de tudo o que sai da boca do SENHOR viverá o homem" Deuteronômio 8.3
Ele não quer que façamos nada para Ele, nem o ajudemos em nada, mas que saibamos a nossa real condição de impotentes, e esperemos inteiramente na Sua Graça e no Seu Poder: "Com que me apresentarei ao SENHOR, e me inclinarei diante do Deus altíssimo? Apresentar-me-ei diante dele com holocaustos, com bezerros de um ano? Agradar-se-á o SENHOR de milhares de carneiros, ou de dez mil ribeiros de azeite? Darei o meu primogênito pela minha transgressão, o fruto do meu ventre pelo pecado da minha alma? Ele te declarou, ó homem, o que é bom; e que é o que o SENHOR pede de ti, senão que pratiques a justiça, e ames a benignidade, e andes humildemente com o teu Deus?" Miquéias 6.6-8.
 
Todo aquele que se exaltar perante Deus será humilhado, e todo que se humilhar será exaltado. É fato que só podem se humilhar aqueles a quem Deus humilha; a todos aqueles a quem a obra da sua cruz operar o fim de nós mesmos e dar conhecimento de Seu Filho Jesus, nosso Salvador: "E lhes darei um mesmo coração, e um só caminho, para que me temam todos os dias, para seu bem, e o bem de seus filhos, depois deles. E farei com eles uma aliança eterna de não me desviar de fazer-lhes o bem; e porei o meu temor nos seus corações, para que nunca se apartem de mim" Jeremias 32.39-40. Amém.

0 comentários:

Postar um comentário